Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020

Notícias

Segunda-Feira, 29 de Junho de 2020 06:44

Novo decreto traz medidas mais duras para conter o avanço do vírus em Lucas

Autor: Redação

As medidas foram tomadas seguindo orientação do Ministério Público, após reunião dos 15 municípios que fazem parte do Consórcio Público de Saúde Vale do Teles Pires, na última quinta-feira. Na ocasião, o grupo de gestores deliberou sobre medidas uniformes de enfrentamento à pandemia para toda a região, e com base na notificação recomendatória do Ministério Público do Estado de Mato Grosso.

O Município de Lucas do Rio Verde seguirá à risca as recomendações do MP no que diz respeito à adoção das medidas de distanciamento social prevista na Matriz de Risco do Ministério da Saúde ou do Estado de Mato Grosso.

Um novo decreto foi publicado na tarde deste domingo, e algumas das medidas anteriores foram mantidas, como o fechamento de parques e praças e o toque de recolher das 21:30 às 05:00 horas da manhã do dia seguinte. Atividades de lazer, eventos e shows, que possam causar aglomeração também continuam restritos, até mesmo aqueles que ocorrem em âmbito domiciliar.

A confirmação de três óbitos por Covid 19 no último sábado foi outro fator que enrigeceu algumas medidas. O decreto determina quarentena doméstica para qualquer pessoa com idade acima de 60 anos, integrantes dos grupos de risco e pessoas que tenham sido notificadas com suspeita ou confirmada a infecção pelo novo corona vírus.

Eventos religiosos presenciais também foram restritos pelo novo decreto, sendo permitidos somente as celebrações no sistema on-line. Todos os estabelecimentos comerciais não considerados essencias devem encerrar suas atividades no máximo às 20:30 horas. Os estabelecimentos cujo funcionamento estão autorizados são orientados a receberem apenas um integrante de cada família, usando a máscara e mantendo o distanciamento social.

As forças de segurança, como Guarda Municipal, Polícia Civil, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros estarão atuando de forma mais intensiva, cada uma dentro de suas atribuições, para que sejam cumpridas as medidas. Denúncias sobre possíveis aglomerações podem ser feitas através do número 190 da Polícia Militar. O descumprimento das ordens descritas no decreto pode acarretar a responsabilização civil, administrativa e penal, nos termos previstos em lei.

O decreto tem o período de vigor entre os dias 29 de junho e 12 de julho de 2020.

FOTOS DA NOTÍCIA Clique na foto para abrir

NOTÍCIAS

{{countcoment}} COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.
{{car.nome}}
{{car.comentario}}
{{car.mais}}
{{car.menos}}